top of page
TOP

#PUBLI

Conheça o Ysos App

O ysos é o app oficial para casais, solteiras e solteiros marcarem encontros

com pessoas reais sem enrolação, sem tabus, com SIGILO e segurança.

Casal liberal enfrenta preconceito exclusão em condomínio por diferenças de estilo de vida.

Um casal liberal residente em um condomínio está lidando com uma situação delicada após receber um bilhete contendo expressões de desaprovação e exclusão por parte de vizinha que diz falar também por outros moradores. Identificados como Bella e Fera, eles compartilharam sua experiência na última quinta-feira (16), destacando a falta de fundamentos e o preconceito presentes na mensagem recebida.

Casal Bella e Fera num sofá preto
Casal Bella e Fera.

No bilhete, a vizinha afirma que o condomínio é um ambiente familiar onde os valores tradicionais devem ser seguidos, citando passagens bíblicas para defender a união monogâmica e não liberal de apenas um homem e uma mulher. A autora expressou o desejo de que Bella e Fera deixassem o condomínio "o mais rápido possível", alegando preocupações com a influência que eles exercem sobre as crianças ali.



Bella e Fera ficaram indignados com as acusações infundadas e o teor discriminatório do bilhete. Eles ressaltam que sempre mantiveram uma postura respeitosa em relação aos vizinhos, evitando qualquer tipo de perturbação. Além disso, enfatizam que seu estilo de vida pessoal não afeta nem prejudica os demais moradores do condomínio.


Essa situação é um claro reflexo de preconceito e falta de tolerância. Acreditamos na importância da diversidade e no respeito às diferenças como elementos fundamentais para uma convivência harmoniosa. Esperamos que o condomínio tome medidas efetivas para promover a compreensão mútua e evitar futuras manifestações de exclusão, independentemente das escolhas de estilo de vida de cada um.


É importante lembrar que cada indivíduo tem o direito de viver de acordo com suas próprias convicções, desde que não prejudiquem ou desrespeitem os outros. A diversidade é uma característica da sociedade atual, e a tolerância é fundamental para construir comunidades inclusivas e acolhedoras. Esperamos que o compartilhamento de Bella e Fera possa contribuir para conscientizar as pessoas sobre a importância do respeito mútuo e da aceitação das diferenças.


 

Nota de Repúdio


É com indignação e profunda consternação que expressamos nosso repúdio ao ocorrido envolvendo o casal Bella e Fera no condomínio onde vivem. O episódio de exclusão e discriminação por diferenças de estilo de vida é inaceitável e vai contra os princípios de respeito, igualdade e convivência pacífica que deveriam prevalecer em nossa comunidade.


É lamentável que, em pleno século XXI, ainda nos deparamos com manifestações de preconceito e intolerância, onde indivíduos são alvo de julgamentos e hostilidades devido às suas escolhas pessoais. O respeito à diversidade é um pilar fundamental em uma sociedade civilizada, e qualquer ato discriminatório fere os valores de inclusão e igualdade que tanto defendemos.


O casal Bella e Fera, como todos os demais moradores do condomínio em questão ou quaisquer outros, possui o direito inalienável de viverem de acordo com suas próprias convicções, desde que não infrinjam as leis e respeitem o espaço e bem-estar de seus vizinhos. Julgar e condenar alguém com base em diferenças de orientação ou estilo de vida é uma atitude que não pode ser tolerada.


Repudiamos veementemente o teor do bilhete recebido por Bella e Fera, que utilizou argumentos religiosos de forma distorcida para fundamentar a exclusão e o preconceito. A liberdade religiosa é um direito fundamental, porém, não deve ser usada como justificativa para disseminar ódio e discriminação.


Ressaltamos que nossa comunidade deve ser um lugar de acolhimento, respeito e convivência harmoniosa, onde cada indivíduo possa se sentir seguro e valorizado em sua singularidade. É dever de todos combater e denunciar quaisquer manifestações de discriminação, preconceito ou exclusão, promovendo a tolerância e o entendimento mútuo.


Encorajamos a administração do condomínio a tomar medidas efetivas para coibir e combater atitudes discriminatórias, promovendo a conscientização e o diálogo entre os moradores. É fundamental estabelecer diretrizes claras de convivência que garantam a diversidade e o respeito aos direitos de cada indivíduo.


Nossa solidariedade e apoio estão com Bella e Fera neste momento, reiterando que eles têm todo o direito de viverem onde escolherem viver, sendo respeitados e valorizados como membros de sua comunidade.


Juntos, devemos construir um ambiente inclusivo e tolerante, livre de preconceitos e onde todas as pessoas possam viver plenamente, independentemente de suas escolhas e orientações.


Em amor e solidariedade, Casal Libido.

Comments


Leia mais

Seu e-mail não ficará visível

bottom of page